Ser sustentável

Uso da água e Qualidade do ar

Qualidade da ÁguaToda a água utilizada na Usina de Timóteo é proveniente da bacia do Rio Piracicaba, captada por meio de outorga do Instituto Mineiro de Gestão de Águas (Igam), numa vazão máxima de 550 litros por segundo, dentro dos limites estabelecidos pelo órgão. Em 2014, a Empresa registrou um volume total de água retirada de 16.122.592 m³. Utilizamos esse recurso com responsabilidade, dentro de todos os parâmetros legais e seguindo o princípio da melhoria contínua, recirculando e reutilizando 95% e devolvendo ao meio ambiente – após passar pela estação de tratamento – uma água que atende ao padrão hídrico de um curso Classe 2 (próprio para nadar e pescar). Monitoramos a qualidade da água dos efluentes industriais em dois pontos de coleta junto ao rio Piracicaba, no Vale do Aço, analisando itens como turbidez (transparência), pH (acidez) e partículas sólidas, entre outros.

Entre 2011 e 2014, a Empresa destinou quase R$ 17 milhões para iniciativas de melhoria do desempenho ambiental. Até 2015, este valor deve chegar a R$ 20 milhões, somando 12 projetos no total. No ano que passou, seis desses projetos receberam aportes da ordem de R$ 4,4 milhões, contemplando iniciativas como a modernização de processos e equipamentos e atividades de monitoramento, com foco na redução das emissões atmosféricas e, consequentemente, na melhoria da qualidade do ar. Tais ações contribuem para a manutenção da certificação da norma ISO 14001.

Entre os destaques de 2014, constam a modernização da rede automática de monitoramento do ar, a umectação dos pátios de matérias primas e a reforma do Lanternim, que vedou a estrutura localizada no topo do galpão da Aciaria. Em 2015, a Aperam dará continuidade às iniciativas, com especial atenção para a análise dos resultados dos projetos implantados.A rede automática de monitoramento do ar da Aperam South America compõe-se de quatro estações meteorológicas que permitem visualizar as condições do ar no município de Timóteo, onde se localiza a Usina O sistema, modernizado em 2014, envia informações em tempo real, online, para a Fundação Estadual do Meio Ambiente (Feam) de Minas Gerais.

Compartilhar: