Revista Espaço

Valores para toda a vida

Projeto ensina empregados a levar o conceito de sustentabilidade para dentro de casa

22

Na aula inaugural, de culinária, os participantes aprenderam sobre alimentação saudável e como aproveitar os alimentos, evitando desperdícios

Melhorar a qualidade de vida no lar e zelar ainda mais pela saúde dos três filhos foi o motivo que levou o operador de tesouras Gilmar Moura Martins a aceitar um convite especial da Fundação ArcelorMittal Acesita. Juntamente com a esposa, Andréia Martins, ele participa da primeira turma do projeto Vida Sustentável. A iniciativa está fundamentada nos três pilares do desenvolvimento sustentável: ambiental, econômico e social e leva capacitação teórica e prática sobre desenvolvimento sustentável a empregados e seus familiares.

Dividido em quatro módulos, ministrados quinzenalmente, o curso aborda assuntos como alimentação saudável, horta domiciliar, orçamento familiar e consumo consciente com a parceria da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater MG). “Queremos contribuir para a mudança de hábitos e valores e que essas novas atitudes se multipliquem na casa dos participantes e entre as pessoas que convivem com eles”, diz Neide Alvarenga, coordenadora de Projetos da Fundação.

A metodologia dinâmica favorece o interesse dos participantes, com aulas ministradas em locais diferentes a cada módulo e com conteúdo prático.

No módulo Horta Domiciliar, uma horta agroecológica foi cultivada pelos próprios alunos na residência de um dos participantes. “Tem sido bastante gratificante participar do Vida Sustentável. Temos aprendido novas formas de aproveitar os alimentos e como consumilos de maneira mais saudável. Sempre tive vontade de ter uma horta em casa e agora poderei montá-la com toda a orientação necessária, sem agredir ao meio ambiente”, conta.

A primeira turma funciona como piloto e todos os módulos estão sendo avaliados pela equipe responsável de forma que, futuramente, a proposta seja ampliada para toda a comunidade. “Faremos uma análise do formato para lançar novas ideias no segundo semestre e dar continuidade ao projeto de uma forma cada vez melhor”, explica Márcia Andrade, coordenadora de Projetos da Fundação.

Cartilha

Utilizada no módulo 2 do projeto Vida Sustentável, a cartilha Horta Agroecológica – A vida brotando da terra foi lançada em maio, em evento na Fundação ArcelorMittal Acesita. Desenvolvida pela ArcelorMittal Inox Brasil em parceria com o Instituto Estadual de Florestas (IEF), a Emater, a Promata e o Instituto Vita, o material será distribuído a públicos específicos, com o objetivo de disseminar na comunidade a importância de cultivar alimentos que não causam danos ao meio ambiente. Além de propor uma alternativa segura e saudável para a produção de alimentos, a cartilha ensina como reaproveitar alimentos para evitar desperdício.


“Queremos contribuir para a mudança de hábitos e valores e que essas novas atitudes se multipliquem na casa dos participantes e entre as pessoas que convivem com eles”.

Neide Alvarenga

Compartilhar: