Revista Espaço

Com o futuro garantido

Aceprev completa 15 anos com motivos de sobra para comemorar

10

Recém-contratado, Wendher já contribui com o plano da Aceprev

O desejo de ter uma aposentadoria tranquila foi o que levou o auxiliar de operação Wendher Santos, da gerência de Laminação a Frio, a aderir à Acesita Previdência Privada (Aceprev) – entidade de previdência complementar da ArcelorMittal Inox Brasil. Contratado há apenas cinco meses, ele acredita que o benefício é a melhor forma de garantir estabilidade no futuro. “Assisti à palestra sobre a Aceprev e achei uma ótima oportunidade oferecida pela Empresa”, diz.

Como Wendher, outros 3.847 participantes, o que corresponde a 99,9% do quadro funcional da Empresa, participam do plano, que acaba de completar 15 anos. De acordo com a diretora-presidente da Aceprev, Nélia Maria de Campos Pozzi, embora jovem, o fundo de pensão já obtém resultados expressivos. Aumentou seu patrimônio em dez vezes desde sua criação e figura entre as cem melhores entidades do segmento no Brasil, de acordo com o ranking da Associação Brasileira das Entidades Fechadas de Previdência Privada.

11

Oto Marques de Oliveira garante que a complementação ajuda a manter a qualidade de vida

“Credencio esse resultado à estratégia adotada ao longo dos anos. Mantemos um perfil de investimento conservador, buscando bater as metas, mas com regularidade. Se analisarmos a evolução do nosso patrimônio, o crescimento é contínuo. Não temos sobressaltos de altos e baixos, que são prejudiciais ao participante”, explica Nélia.

12

Garantir o futuro de Raul é um dos motivos que levaram Maria Aparecida a aderir à Aceprev

O segredo está na forma como a Aceprev administra seus investimentos. Desde 2001, a entidade adotou um modelo de gestão chamado de módulo alocador. Isso significa dar um tratamento diferenciado aos dois tipos de reservas do plano: de benefícios concedidos e a conceder. Para cada um, são adotados critérios distintos de investimento e perfil de risco. “Antes, o montante tinha um tratamento padronizado. A mudança trouxe mais segurança para a entidade”, afirma. O modelo foi criado a partir de uma demanda da Aceprev e passou a ser referência no mercado. “Recebemos visitas de pessoas interessadas em conhecer o formato e que, posteriormente, o replicam”, conta.

A rentabilidade sempre acima das metas propostas também comprova a eficiência nos investimentos. Mesmo com a crise financeira mundial, que afetou a economia como um todo, a Aceprev manteve seu ritmo de evolução. A entidade fechou o ano de 2009 com um crescimento patrimonial em torno de 10%. O plano pagou R$ 14,6 milhões em benefícios, sendo R$ 11,8 milhões destinados aos aposentados e R$ 2,8 milhões voltados para os benefícios de risco, como auxílio doença, incapacidade e pensão por morte.

Vale a pena

Vantagens não faltam para quem opta pela adesão ao plano de benefícios. Além da rentabilidade, a ArcelorMittal Inox Brasil e a própria Aceprev contribuem para o empregado com a mesma porcentagem investida por ele em até 5% do valor do salário. Além disso, o participante tem total autonomia para fazer o próprio planejamento na pós-carreira, pois o plano possibilita um benefício adicional, formado por contribuições voluntárias e superiores a 5% do salário feitas pelo participante. “Hoje temos um grande número de empregados que já superaram os 5% de contribuição. Isso reflete o alto grau de confiança na entidade e é fruto da seriedade do nosso trabalho”, justifica Nélia.

O atendimento personalizado é outro grande diferencial. Apesar de estar sediada em Belo Horizonte, a Aceprev mantém a área de Seguridade em Timóteo para atender aos participantes. Cada situação é estudada individualmente e o empregado recebe atenção especial, sendo orientado quando precisa tomar novas decisões com relação ao plano. Para dar ao participante condições de interpretar corretamente as informações enviadas pela entidade por diversos meios, a Aceprev já planeja para o segundo semestre o programa de Educação Previdenciária e Financeira. Em fase final de estruturação, o projeto desenvolverá ações com o objetivo de envolver o participante e dar condições para que ele planeje sua aposentadoria da melhor forma possível.

“Sugiro a todos que optem pelo benefício, pois não vão se arrepender”, garante Oto Marques de Oliveira, aposentado da ArcelorMittal Timóteo. Assistido pela entidade, ele conta que a complementação ajuda muito, pois representa cerca de 50% da sua renda hoje. “A Aceprev é sinônimo de competência e isso me traz muita segurança”, afirma.


O número 1

13

José Luiz cuida dos netos e leva uma vida tranquila

O primeiro empregado a aderir à Acesita Previdência Privada já usufrui, há mais de dez anos, dos benefícios oferecidos pelo plano. Aposentado desde 1998, José Fortunato de Oliveira se diz satisfeito por ser o primeiro a acreditar em algo que deu tão certo. “Graças a Deus, tive a oportunidade de participar e hoje posso contar com uma quantia a mais todo o mês, que significa muito no meu orçamento”, afirma.

Participante fundadora, ativa desde a criação da Aceprev, a auxiliar administrativo Maria Aparecida Lana ainda morava com os pais quando aderiu ao fundo de pensão. “Pensei à frente do meu tempo e decidi investir no meu futuro”, diz. Com o passar dos anos, a família cresceu com a chegada do filho Raul e, sempre que pode, ela aumenta a porcentagem de contribuição. “Agora os meus investimentos na Aceprev têm um novo motivo: os estudos e conforto do meu filho quando eu me aposentar”, planeja.

José Luiz Perez Quero também foi um dos primeiros assistidos pela Aceprev. A aposentadoria do engenheiro mecânico foi disponibilizada em 1995, ano de criação da entidade. “Foi fantástico. Receber o benefício deu sentido à minha vida como aposentado e resolveu meus problemas”. Ele garante que, há 15 anos, leva uma vida mais tranquila com a renda vinda da Aceprev. “Hoje me dedico a cuidar dos netos, leio, ouço música, sem preocupação. Conheço algumas pessoas que fizeram o plano e também estão muito satisfeitas”, enfatiza.

Compartilhar: