Revista Espaço

Inox na memória

2

Arlindo Mungioli (à esq.), diretor-geral da Arco Editorial, e Luis Onaga, diretor Comercial da Arco Editorial, entregam prêmio a Arlena

Qual marca lhe vem à cabeça quando se fala em revestimentos metálicos? ArcelorMittal Inox Brasil foi uma das três mais lembradas pelos assinantes da revista Projeto Design e visitantes do portal de arquitetura Arcoweb que responderam a essa pergunta. Os vencedores são apresentados em ordem alfabética, sem considerar a classificação individual obtida. Pelo quinto ano consecutivo, a ArcelorMittal Inox Brasil recebeu o prêmio Top Marcas, que reconhece as empresas mais citadas em 21 categorias de produtos para arquitetura e interiores.

A edição 2009 do prêmio Top Marcas recebeu 3.655 votos, registrados por arquitetos, estudantes, designers e outros profissionais ligados ao setor. Os participantes citaram espontaneamente o primeiro nome que lhes ocorreu. Na categoria revestimentos metálicos, foram mencionadas 28 empresas. A premiação aponta as marcas de produtos mais fortemente registradas na memória.

“O reconhecimento é sinal de que os profissionais do segmento estão considerando o aço inoxidável nas especificações de seus projetos, resultado do trabalho que vem sendo executado junto a esse público”, constata Arlena Montesano, responsável pelo desenvolvimento de mercado da área de Arquitetura e Construção Civil da ArcelorMittal Inox Brasil.

A premiação do Top Marcas’09 ocorreu durante evento comemorativo dos 32 anos da revista Projeto Design, dia 12 de fevereiro, em São Paulo.


Solução brasileira com novas ligas

O aço inoxidável duplex UNS S32205, recentemente desenvolvido pela ArcelorMittal Inox Brasil, passou na prova. Em dezembro de 2008, a Schulz América Latina fez o primeiro fornecimento de amostras para teste na matriz da empresa, situada na Alemanha. Em março, a Schulz informou que o material foi plenamente aprovado por sua excelente performance, após análise química, tratamentos térmicos nas chapas e raios-x nas soldas. O aço duplex UNS S32205 (1.4462) está oficialmente homologado para fornecimento ao grupo alemão.

Especializada na fabricação de conexões tubulares em inox e ligas especiais para os setores de petróleo, gás natural, petroquímica, construção naval, siderurgia e outros, a Schulz foi uma das grandes incentivadoras do projeto de desenvolvimento do aço duplex pela ArcelorMittal Inox Brasil. Até então, a planta industrial da empresa, em Campos dos Goytacazes, no Rio de Janeiro, importava esse material da Europa.

Adriano Lisboa, gerente Comercial, de Suprimentos e Logística da Schulz, afirma que o inox A347/347H, fornecido pela ArcelorMittal Inox Brasil, também já foi testado. “O primeiro lote do 347/347H foi homologado e entramos com pedidos para atender às demandas externa e do mercado local. Há uma tendência muito forte entre as indústrias petrolíferas para o consumo desse material. Estou certo de que conseguiremos obter uma cadeia produtiva 100% nacional”, aposta Adriano.

O próximo passo nesse sentido é iniciar os testes do aço inox 317L, também desenvolvido pela ArcelorMittal Inox Brasil. Adriano garante que, ao concretizar mais esse desafio, a cadeia de fornecimento da empresa será exclusivamente local. “A Schulz assume a missão de contribuir para o crescimento econômico do país e das localidades onde se encontram instaladas as suas unidades”, destaca Marcelo Bueno, presidente da Schulz no Brasil. “Com a cadeia de suprimento nacionalizada, nossa companhia ganha maior competitividade em escala mundial, conquista espaço no exterior e aumenta sua fatia de mercado, além de estimular a empregabilidade no Brasil. Agradeço a cooperação e parabenizo a equipe da ArcelorMittal Inox Brasil por mais essa vitória e comprovação de excelência e competência”, destaca Adriano.

Compartilhar:
Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on linkedin
Menu

Clique no botão de edição para alterar esse texto. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Ut elit tellus, luctus nec ullamcorper mattis, pulvinar dapibus leo.