Revista Espaço

Com todo o gás

Aperam amplia o uso do gás de Alto- Forno para aquecer as panelas na
Aciaria, reduz consumo de gás natural e de gás liquefeito de petróleo e a
emissão de CO2 na atmosfera

Reutilização dos gases dos altos-fornos para aquecer panelas da Aciaria (foto) gerou expressivos ganhos ambientais, com destaque para a redução de 11 mil toneladas de emissões de CO2 a cada ano

Referência no Brasil, segundo o Guia Exame de Sustentabilidade, a Aperam South America continua inovando em suas práticas ambientais. Ao ampliar o reaproveitamento dos gases gerados nos processos dos altos-fornos para aquecer as panelas na Aciaria 1 e 2, a Empresa deixa de emitir mais de 11 mil toneladas de CO2, por ano. Além dos ganhos ambientais, a redução de 70% do consumo de gás natural e de 100% do gás liquefeito de petróleo gerou ganhos significativos relacionados aos custos na Aciaria.

Para o uso conjugado do gás de alto-forno, gás natural e oxigênio, a equipe foi desafiada a desenvolver um novo tipo de queimador, a fim de manter a estabilidade da chama. “Essa solução tecnológica que adotamos em oito aquecedores de concha da Aciaria não havia sido empregada em nenhuma planta da Aperam e não encontramos similar no mundo”, afirma o gerente de projeto, Renato Mota.

Escolhido entre quatro modelos, o novo queimador foi testado durante três meses. Segundo o gerente, agora a novidade poderá ser patenteada e levada para outras plantas siderúrgicas com processo integrado. A Arcelor- Mittal Tubarão, no Brasil, e a planta da Aperam em Gent, na Bélgica, também poderão ser beneficiadas.

O projeto de instalação, iniciado em agosto de 2015 e concluído em dezembro de 2016, cumpriu as metas de prazos, custos e segurança. O desenvolvimento teve a colaboração das equipes de Segurança, Eficiência Energética, Utilidades, Engenharia, Automação, Manutenção e Operação da Aciaria.

Compartilhar:
Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on linkedin
Menu

Clique no botão de edição para alterar esse texto. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Ut elit tellus, luctus nec ullamcorper mattis, pulvinar dapibus leo.