Revista Espaço

Aprovado com louvor

Inox usado no veleiro Kat ganha a aprovação da Família Schurmann, que retornou ao Brasil após dois anos da Expedição Oriente

A chegada da tripulação à Marina de Itajaí, em Santa Catarina, no dia 10 de dezembro, marcou o fim da Expedição Oriente

Na segunda quinzena de janeiro, o veleiro Kat navegará por águas brasileiras, após ter percorrido, em dois anos, os 55 mil quilômetros, 29 países e cinco continentes previstos na Expedi- ção Oriente, concluída em dezembro, levando a bordo a Família Schurmann. De Itajaí (SC) ao Rio de Janeiro, o Kat fará paradas em Santos (SP), Ilhabela (RJ) e Angra dos Reis (RJ). No regresso a Santa Catarina, passará por uma pintura de fundo e manutenção geral. O objetivo é prepará-lo para uma nova aventura, em 2018. “O projeto irá focar na sustentabilidade do nosso planeta água”, antecipa o capitão Vilfredo Schurmann.

Equipado com mais de 25 toneladas de aço inoxidável da Aperam, incluindo deck, corrimão, caixa de âncora, pias, bancadas, escadas e tubulações, o Kat passou com louvor no teste. “O aço inoxidável 316-L que utilizamos é um produto fenomenal. Está como novo depois de dois anos de uso constante. Estou muito contente de ter optado em fazer grande parte do veleiro com esse material, externa e internamente”, comemora Vilfredo.

Para ele, a decisão de construir todo o deck em aço inoxidável foi acertada. “O veleiro Aysso, no qual demos duas voltas ao mundo, exigia manutenção constante; tínhamos de refazer a pintura a cada dois anos. Se uma peça pesada caísse e arranhasse, imediatamente precisávamos tratar o local, pois o deck de um veleiro está sempre varrido pela água salgada. Se não fosse assim, a oxidação se iniciava imediatamente. Com aço inoxidável, o problema não existe”, explica

Em um período de dois anos, o veleiro Kat passou por 29 países e cinco continentes


Saiba mais

O aço inoxidável 316 tem como características boa conformabilidade e soldabilidade, além de excelente resistência à corrosão, em função da adição de molibdênio (cerca de 2%). Ele é recomendado para construção civil e uso arquitetural, equipamentos para indústria aeronáutica, ferroviária, naval, química e petroquímica, farmacêutica, cosmética, têxtil, borracha, laticínios, hospitalar, odontológica, cirúrgica, siderúrgica, refinarias, para a fabricação de tubos e vasos de pressão, destilarias de álcool e caldeiraria.

Compartilhar:
Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on linkedin
Menu

Clique no botão de edição para alterar esse texto. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Ut elit tellus, luctus nec ullamcorper mattis, pulvinar dapibus leo.