Revista Espaço

Espaço para crescer

Metalúrgica BW destaca potencial do aço carbono especial

Peças automotivas, componentes de eletrodomésticos, ferramentas para construção civil, entre outras aplicações. Esses são os produtos criados a partir das bobinas de aço carbono especial que saem da planta Industrial de Timóteo (MG). Uma das responsáveis pela transformação é a Brasmetal Waelzholz (BW), empresa do setor metalúrgico, que estima produzir mais de 80 mil toneladas este ano.

Cliente da Aperam há três décadas, a metalúrgica – que pertence ao grupo alemão CD Waelzholz – conta com uma fábrica em Diadema, interior de São Paulo, na qual metade da produção se baseia em aços carbono especiais. “Há um potencial enorme de mercado para esse tipo de matéria-prima. Nossa matriz na Europa produz 85% de itens com carbono especial”, destaca Maurício Bomfim, gerente de Compras e Qualidade.

O relacionamento com a Aperam configura-se como um trunfo para alavancar esse mercado. Durante esses anos de parceria, as equipes técnicas e comerciais das duas empresas já desenvolveram aplicações importantes. “Criamos juntos alguns componentes para o setor automotivo, como rolamentos de embreagem e o sabre de motosserra. Pela variedade de aplicações do aço carbono especial precisamos concentrar esforços para entender cada uso e oferecer o melhor para os clientes”, analisa o gerente.

O segmento automotivo pode ser apontado como um dos principais estimuladores das melhorias. “A indústria automobilística sempre inova e busca componentes mais leves e modernos. Contamos com a Aperam para continuar desenvolvendo conosco esse mercado”, afirma.

Atenta ao cenário de baixo crescimento econômico do país, a Brasmetal prevê estabilidade em 2015 e projeta dobrar os atuais 10% da produção destinados às exportações nos próximos dois anos.

Aço carbono especial nos carros

8

Compartilhar: