Revista Espaço

Sabor de sucesso

Empreendedoras de Timóteo colhem os frutos da parceria com a Fundação Aperam Acesita

32

Projeto da Associação do Celeste se destacou no PorAmérica

Salgadinhos,rosquinhas, biscoitos e temperos não só encantamo paladar de moradores de Timóteo (MG), como promovem grandes mudanças na vida de alguns deles. Quitandeiras e agricultores da cooperativa Coopermassas e da Associação do Celeste profissionalizaram seus talentos culinários e agora complementam a renda de suas famílias.

“No início,fazíamos rosquinhas, para acompanhar o café.Depois começamos a vender,mas não tínhamos muita noção do que precisávamos para começar”,relembra Marlene Imaculada Carlos, presidente da Associação. Isso foi há mais de seis anos, quando o grupo de trabalho fundou legalmente a instituição. Hoje, além de atender às encomendas dos timotenses, os cerca de 40 associados (maioria mulheres), também fornecem seus bolos, hortaliças e temperos caseiros amais de 30 escolas municipais e estaduais da cidade.

Com o PorAmérica(O Programa Fortalecimento de Organizações de Base para Combater a Pobreza (PorAmérica) promove parcerias entre empresas e organizações de base para estimular geração de renda), a Associação do Celeste, em parceria com a Fundação Aperam Acesita, aperfeiçoou a estrutura e o conhecimento necessários para desenvolver o negócio. “Atualmente conseguimos vender nossos produtos em qualquer lugar. Com os cursos e financiamentos da Fundação, conseguimos expandir nossa atuação, aprendemos a negociar e a colocar preço no nosso trabalho”, esclarece Marlene. Os resultados foram tão positivos que a Associação representou o Brasil durante o encontro internacional “Organizações que Constroem Oportunidades – Iniciativas Comunitárias de Geração de Renda na América Latina”, realizado na Colômbia, no fim de novembro pela RedEAmérica.

Outro grupo contemplado pelo PorAmérica, via Fundação, foi a Cooperativa Ágape Massas e Sabores do Cachoeira do Vale (Coopermassas). As 15 cooperadas preparam salgados para festas e lanchonetes da cidade. Empregados da Aperam também desfrutam dos sabores dessas salgadeiras, que vendem refeições individuais nas portarias oito e três da Usina, tanto na hora do almoço quanto no jantar.

33

Projeto da Associação do Celeste se destacou no PorAmérica

A Coopermassas existe desde 2000, mas foi só em 2009 que o negócio deslanchou. As integrantes receberam consultoria com nutricionista e treinamento para a gestão empreendedora.“Em 2009,tínhamos uma média de faturamento de R$12 mil por mês. Hoje, esse número subiu para 32 mil”,revela a presidente Amanda Andrade Soares.

A parceria continuou em 2012, quando as cooperadas também foram selecionadas para o PorAmérica.“Conseguimos aprimorar nossas habilidades culinárias e aprendemos a gerenciar a cooperativa, definindo as funções de cada um”, completa Amanda. O próximo passo das salgadeiras é conquistar o mercado de buffet em Timóteo.

 

Compartilhar:
Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on linkedin
Menu

Clique no botão de edição para alterar esse texto. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Ut elit tellus, luctus nec ullamcorper mattis, pulvinar dapibus leo.