Revista Espaço

Pessoas em primeiro lugar

O Jeito Aperam de Ser sintetiza diretrizes para envolver empregados

Motivar e engajar as pessoas como forma de assegurar um bom clima de trabalho.Na Aperam South America isso se traduz em cinco compromissos que integram o Aperam Way -Jeito Aperam de Ser. Ele trata da consolidação de boas práticas nas seguintes frentes: saúde e segurança,ferramentas para a integração de pessoas e para a promoção do conhecimento, oportunidades para desenvolver competências e carreira, entre outras.

14

Maria vê boas oportunidades na nova área

Maria de Souza Lima,técnica em programação na Gerência de Programação da Produção, e Tiago da Silva Lima, engenheiro de Aplicação,têm em comum a trajetória na Empresa e o olhar voltado para o futuro. Ambos participaram da Seleção Competitiva, programa que prioriza o preenchimento de vagas internas por profissionais que já trabalham na Aperam

Maria ingressou como auxiliar de operação há três 19anos. E a conquista de um cargo na Programação de Produção se deu já na primeira vez em que participou do processo seletivo interno.“Durante a seleção meu interesse aumentou. Estou gostando da nova área, a equipe é muito solícita.Vejo chances de continuar crescendo aqui”, comenta.

15

Tiago começou como estagiário e hoje trabalha no escritório em São Paulo

Fora da Empresa, ela vê a faculdade de engenharia mecânica e o curso de inglês como propulsores da carreira,mas também está atenta aos cursos e treinamentos ofertados internamente, como o de Métodos de Análise de Solução de Problemas (MASP), que concluiu em 2013. “A Aperam faz a sua parte, proporcionando esse cenário; cabe a nós nos esforçarmos para aproveitar as oportunidades”, acredita.

A experiência de Tiago é semelhante. Ele começou como estagiário em 2008, na Aciaria. Ficou um ano fora da Empresa e depois retornou para trabalhar na operação da mesma área. A Seleção Competitiva levou o jovem de Timóteo para São Paulo. Desde 2012, ele integra a equipe comercial voltada para Desenvolvimento de Mercado e Assistência Técnica de Aços Inoxidáveis, Elétricos e Carbono. “Sou graduado em engenharia de materiais. Sempre tive vontade de trabalhar na minha área e focado no desenvolvimento de produtos e aplicações”, conta.

Para ele, a estratégia permite o crescimento profissional e a valorização dos empregados. “Sinto que o meu desenvolvimento é importante para a Empresa. Nesses cinco anos participei de inúmeros treinamentos que envolveram temas variados, desde empreendedorismo, com a Junior Achievement, quando tinha acabado de chegar, até cursos voltados para Inteligência de Mercado, recentemente”, lembra.

16

Erica aposta no diálogo e na cumplicidade para bons resultados da equipe

Liderança, exemplo e proximidade

Trinta anos dedicados à Aperam e mais da metade deles atuando como líder. Marcelo Araújo, gerente de Alto-Forno, acredita na liderança pelo exemplo e na busca da proximidade com os liderados. “Aprendi que para gerenciar equipes não basta entender do trabalho, é fundamental gostar de pessoas, saber ouvi-las”, aponta.No dia a dia, ele exerce o papel de gestor, priorizando uma boa relação com os integrantes da área. “O sucesso somente será alcançado se todos estiverem envolvidos e sabendo do que cada um pode contribuir para a equipe”, acredita.

Erica Hanaoka, supervisora de customer service(Área atua junto aos clientes para aperfeiçoar o atendimento das demandas e oferecer soluções customizadas. ), está há 15 anos na Aperam e há dois deles lidera uma equipe de 10 pessoas, parte do grupo lotada em Timóteo (MG) e a outra, em São Paulo (SP).Para gerenciar as demandas, o atendimento ao mercado e a interface coma área de produção, ela aposta na interação.“Cada um tem uma carteira de clientes,mas prezamos pelo diálogo, pela harmonia e pela cumplicidade.Todos estão juntos nos acertos e erros”, destaca.A supervisora vê no bom ambiente de trabalho o ingrediente essencial para os bons resultados. “A relação com as pessoas extrapola a rotina profissional e essa confiança se reflete nos nossos indicadores”, conclui.

Conhecimento coletivo

Para Tânia Ataíde, assistente técnica da Gerência Executiva de Melhoria Contínua e Qualidade, a inovação é vital em um mundo de constantes mudanças; e o aprendizado deve ser contínuo. Dessa forma, a Aperam incentiva a experimentação e inovações de forma sustentada, por meio de atividades de equipes de melhoria contínua. “Ferramentas como CCQ, Cosis e TPM – práticas consolidadas na empresa –têm um papel importante nesse cenário. São instrumentos, com metodologias de desenvolvimento e recompensa estruturados pela Aperam, que contemplam todos os níveis hierárquicos e estimulam os empregados a atuarem juntos no dia a dia e a pensarem em troca de experiências e novas tecnologias. A união gera ideias”, destaca.

18

17

Marcelo (ao centro) ressalta que saber ouvir os colegas é essencial para o bom desempenho

Compartilhar: