Revista Espaço

Para o fogo não queimar

Proteção de áreas verdes contra incêndios recebe atenção durante o ano todo

25

O Mirante do Cruzeiro é um importante ponto de observação para identificar focos de incêndio

Lá do alto, a vista do Parque Estadual do Rio Doce, do Centro de Educação Ambiental – Oikós e da cidade de Timóteo (MG) se mostra privilegiada. Por isso, o Mirante do Cruzeiro aparece como ponto estratégico na prevenção e no combate a incêndios na região. Algumas chamas ou um pequeno sinal de fumaça são rapidamente percebidos pelo olhar atento do vigilante que fica a postos para identificar, com precisão, onde se iniciou o fogo. Um grande apoio para as ações feitas lá embaixo.

Tão importante quanto combater o incêndio é o trabalho de prevenção e, nesse caso, a proximidade aparece como o segredo do sucesso. Em escolas, igrejas e associações, onde houver um grupo reunido, a equipe do Oikós aproveita a oportunidade para sensibilizar sobre o tema. Não ficam de fora os vizinhos das áreas verdes. Cerca de 1.800 residências já se encontram cadastradas e os moradores recebem orientações sobre os riscos das queimadas e a importância de manter o quintal limpo.

“Vejo que as pessoas se mostram, cada vez mais, conscientes de que o fogo não traz prejuízo apenas para as empresas, mas leva embora um patrimônio ambiental de todos e que deve ser cuidado por todos”, avalia o coordenador de projetos da Fundação Aperam Acesita, Luiz Antônio Ferreira. Um exemplo de riqueza natural, o Oikós, possui 32 nascentes, 120 espécies vegetais e 110 de aves. O Centro de Educação Ambiental localiza-se ao lado do Parque Estadual do Rio Doce, unidade de conservação reconhecida como reserva da biosfera, sendo o maior remanescente de Mata Atlântica mineira, com quarenta lagoas naturais e grande variedade de fauna e flora.

Tempo seco

De julho a dezembro, o fogo se torna uma ameaça ainda maior, resultado, principalmente, do tempo seco. Mas pensar em prevenção tem sido uma constante para a Aperam South America durante todo o ano.

Além de elaborar o Plano de Prevenção, Controle e Combate a Incêndios Florestais de Timóteo (MG), juntamente com o Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, Instituto Estadual de Florestas e Secretaria do Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, a Empresa também, possui o próprio plano e a Prática Padrão Contratada – PPC, associando estratégias de prevenção e combate a incêndios florestais, a cuidados com a saúde e a segurança dos brigadistas.

O plano da Aperam evidencia que ações estruturadas e contínuas consistem num avanço na proteção das áreas verdes, usualmente esquecidas quando se trata de ações de proteção. Para avaliação dos resultados, realizam-se rotineiramente consolidações de dados para análise, em busca de oportunidades de melhorias.

O Centro de Educação Ambiental – Oikós, em parceria com o Instituto Estadual de Florestas e Secretaria do Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável e Bombeiro Militar, anualmente realiza o curso de capacitação para os brigadistas, que atuam na Empresa e em outras instituições do município. O conteúdo inclui técnicas de combate a incêndios florestais e planejamento de ações para lidar com calamidades. “Encaramos o fogo com muita seriedade. Na prevenção ou no combate, o foco é sempre contribuir com a qualidade de vida e cuidar da beleza que temos na cidade. Nesse sentido, a atuação parceira de todos tem sido fundamental”, conclui Luiz Antônio.

Compartilhar: