Revista Espaço

Novos rumos para o inox

Perspectivas, soluções e tendências para a cadeia produtiva do aço inoxidável são discutidas pela Aperam em feira nacional

Com previsões de crescimento do consumo e aumento da demanda de inox no Brasil e no mundo, a Feira de Tecnologia de Transformação do Aço Inox (Feinox) chegou à sua quinta edição em outubro, reunindo profissionais e empresas que atuam no setor para discutir novos negócios e trocar informações sobre pesquisa, produção e prestação de serviços.

“A Feinox contribui para a divulgação do inox no país, com a apresentação de produtos, serviços e inovações tecnológicas. É uma importante oportunidade para as empresas que atuam como expositores”, afirma Marco Fuoco, consultor de Negócios e Relações Institucionais da Aperam.

Como maior fabricante nacional de aços inoxidáveis planos, a Aperam South America marcou presença no evento, apresentando sua linha completa de produtos para os mercados de óleo e gás, açúcar e álcool, construção civil, automotivo, linha branca, saúde e alimentação, utilidades domésticas e produção de tubos. No estande da Empresa, analistas de negócios, engenheiros de aplicação e pesquisadores foram responsáveis por receber os visitantes e esclarecendo dúvidas sobre os produtos e suas aplicações.

“A Aperam tem um portfólio diversificado e pronto para suprir às demandas dos diferentes setores. Outro diferencial é a pró- atividade no desenvolvimento de mercado, com foco contínuo em novos produtos e aplicações”, reforça o gerente executivo de Desenvolvimento de Mercado e Assistência Técnica, Roberto Guida.


Na teoria e na prática

Simultaneamente à Feinox, foi realizado o XI Seminário Brasileiro do Aço Inoxidável, importante fórum de discussões entre especialistas da indústria e da área acadêmica sobre a produção e aplicação do material, com destaque para projetos do setor petrolífero e de infraestrutura da Copa 2014 e das Olimpíadas 2016.

O seminário é uma forma de evidenciar a presença do aço inoxidável, estimulando o uso do material no mercado brasileiro, como ressalta um dos autores de trabalhos, o pesquisador da Aperam, Joner Alves. “O Brasil possui consumo de, aproximadamente, 1,8 kg de inox por habitante, volume muito inferior ao registrado nos EUA, na Europa e em alguns países da Ásia, onde o consumo chega a 40 kg por pessoa. Estamos empreendendo um intenso trabalho para alavancar esse volume e a participação em eventos como a Feinox é fundamental nesse processo”, diz.

O evento também contou com apresentações de artigos técnicos sobre a fabricação e emprego do aço inoxidável, incluindo palestras de profissionais da Aperam e dos renomados arquitetos Edo Rocha, referência para o uso do produto, e de Marc Duwe, autor dos projetos das estações de metrô da linha 4 (amarela) de São Paulo, que contam com inox produzido pela Empresa.

Compartilhar:
Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on linkedin
Menu

Clique no botão de edição para alterar esse texto. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Ut elit tellus, luctus nec ullamcorper mattis, pulvinar dapibus leo.