Revista Espaço

Vigilantes da qualidade

Investimento em inspeção assegura a qualidade dos produtos e facilita a previsão de dificuldades no processo produtivo

17

Sala especial com amostras de materiais garante controle de qualidade de produtos na Metalurgia de Aços Elétricos

Para possibilitar um treinamento mais completo de sua equipe de inspeção, a área de Metalurgia de Aços Elétricos da Aperam South America montou uma sala especial de capacitação em seu prédio, na Usina de Timóteo. O espaço conta com amostras didáticas de inconformidades que podem ser encontradas durante o processo produtivo e um mostruário de motores, transformadores e outras peças fabricadas com aço elétrico GO e GNO da Empresa.

“Criamos um local com estrutura adequada e bastante material de consulta, para que os treinamentos se tornem mais didáticos e eficientes, principalmente para os operadores novatos”, explica o assistente técnico, Wilson Pereira.

A sala também foi projetada para abrigar reuniões com clientes e compradores com a equipe de produção. Segundo Wilson, durante as visitas, a equipe demonstra alguns processos de inspeção realizados dentro da Usina, reforçando o compromisso da Aperam de entregar sempre um produto de qualidade. “Isso aumenta a nossa credibilidade e fortalece o relacionamento com os parceiros”, afirma.

Olhar atento

18

Inspeção do inox visa a garantir que o material chegue ao cliente em perfeito estado

O trabalho de inspeção de produtos também é realizado na cadeia produtiva do inox. “Nosso papel é garantir que o aço inoxidável fabricado pela Empresa chegue ao cliente dentro dos padrões de qualidade acordados e com aspecto visual adequado à aplicação”, resume o supervisor de Inspeção, Paulo Junio.

Para isso, a equipe de inspetores do inox também conta com um espaço de treinamento especial, localizado dentro da área de produção. A sala foi criada no ano 2000 e serviu de inspiração para a da Metalurgia de Aços Elétricos, após a realização de um benchmark interno.

Segundo Paulo Junio, o processo de inspeção do inox se concentra nos equipamentos de recozimento de bobinas (RBs), de onde parte dos produtos sai finalizada para os clientes o outros materiais são enviados para as áreas de Laminação a Frio ou de Acabamento. Todos os procedimentos são realizados em parceria com a equipe de metalurgistas, com o intuito de promover a melhoria contínua dos processos.

Além disso, anualmente, os inspetores organizam um treinamento especial com empregados de diversos setores da produção de aço inoxidável, que, em 2012, contou, inclusive, com a participação da área de Assistência Técnica, do Escritório de São Paulo. O objetivo é formar grupos de inspetores capacitados a avaliar cada etapa do processo produtivo, repassando as práticas adotadas e buscando aspectos que podem ser aprimorados. “Dessa forma, identificamos os pontos onde há maior incidência de defeitos gerados no fluxo de produção e, em alguns casos, conseguimos até antecipar a ocorrência das falhas”, ressalta Paulo.

“A combinação de conhecimento prático e teórico garante um resultado mais satisfatório na inspeção”, finaliza o supervisor.

Compartilhar: