Revista Espaço

Bicicletas mais seguras

Reforma da Transitolândia destaca o papel do ciclista no trânsito

14

Direitos e deveres dos ciclistas no trânsito são passados às crianças na Transitolândia

A Transitolândia de Timóteo foi reinaugurada e tem agora nova pintura, bicicletário e equipamentos completos para ciclistas. O espaço, destinado ao aprendizado das regras de convivência no trânsito, recebe cerca de 1.300 estudantes ao longo do ano.

Segundo a coordenadora de projetos da Fundação, Juliana Ramos, um dos objetivos da Transitolândia este ano é dar ênfase aos direitos e deveres dos ciclistas, desconhecidos por boa parte da população. Em função disso,todas as 30 bicicletas disponibilizadas para o projeto estão equipadas de acordo com o Código Brasileiro de Trânsito (CBT). “As bicicletas são um meio de transporte popular aqui em Timóteo. Por isso é importante que todos, principalmente as crianças, saibam como usá-las em segurança”, avalia Juliana.

Educar na hora certa

O projeto Transitolândia nasceu da parceria entre Fundação Aperam Acesita, Polícia Militar de Minas Gerais, Prefeitura de Timóteo, Superintendência Regional de Ensino de Coronel Fabriciano e Rotary Club de Acesita. Direcionado a alunos do 4º ano do Ensino Fundamental, ensina as principais normas do CBT e prepara as crianças para um futuro mais consciente no trânsito.

O projeto conta com um espaço que reproduz situações encontradas nas ruas e é usado para desenvolver atividades lúdicas e simulações. Desde que foi criada, em 1998, a Transitolândia já beneficiou mais de 19 mil estudantes.

Para o tenente Charles Antônio Paulino, um dos responsáveis pelo projeto, o diferencial da Transitolândia é o seu investimento na conscientização, que permite educar as crianças antes que elas se tornem agentes ativos do trânsito. “Dessa forma, estamos formando multiplicadores que, no futuro, participarão do trânsito de forma mais segura”, afirma.

Segurança reforçada

Um levantamento feito pela equipe de Segurança Patrimonial da Aperam South America estima que cerca de 70% dos empregados em Timóteo andem de bicicleta, ou, pelo menos, possuem um modelo em casa. Por isso, desde o ano passado, a Empresa vem sorteando kits de segurança com capacetes, luvas, sinalizadores noturnos (popularmente conhecidos como “olho de gato”), retrovisores e buzinas. No total, já foram distribuídos cerca de 300 conjuntos. “Ao incentivar o uso dos equipamentos de segurança, esperamos que os empregados se tornem mais conscientes dos riscos que eles ajudam a evitar, transformando isso em valor”, afirma o gerente da área, Hércules Drumond Araújo.

Compartilhar: