Revista Espaço

Festa do desenvolvimento

Premiação dos programas CCQ e Cosis comprovam a competência e a criatividade das equipes da Aperam South America

15

Grupo Inovar exibe o troféu recebido pela vitória no Seminário de CCQ 2011. O grupo agora irá representar a Empresa no Challenge 2012

O desafio foi lançado no início do ano. Mais uma vez era o momento de concentrar esforços em busca de novos projetos que contribuiriam para a melhoria dos resultados da Empresa e para o crescimento profissional dos empregados.

Prontamente aceita pelos empregados, a proposta mostrou mais uma vez o sucesso que o programa CCQ(Círculo de Controle de Qualidade) alcança, sendo alvo de muita dedicação dos empregados e rendendo diversos projetos de alto nível.

“A participação ativa dos empregados em programas como o CCQ move a Aperam South America em direção ao futuro”, afirmou o presidente Clênio Guimarães, em mensagem aos grupos. “São números fantásticos. Estamos no 28º ano e, em 2011, tivemos 6500 projetos, 263 grupos e 1800 profissionais participantes.Uma adesão e comprometimento que nos enche de orgulho”, completou.

Segurança e economia

Em 2011, o grande vencedor do Seminário Geral foi o grupo Inovar, da gerência executiva de Infraestrutura. A equipe, composta por dez integrantes, desenvolveu o projeto “Curinga”, que possibilita ganhos em segurança e redução de custos com a criação de um dispositivo de bloqueio das chaves mecânicas e de uma nova metodologia para utilização desses dispositivos.

Implantado inicialmente na área de Utilidades, o projeto tem potencial para ser imitado em mais áreas da Usina de Timóteo e também em outras unidades do Grupo Aperam. “Estamos muito felizes pela premiação. Trabalhar em uma Empresa que nos dá a oportunidade de desenvolver o nosso potencial é muito gratificante”, afirmou Geraldo Magela, líder do grupo e operador de distribuição de fluidos.

O grupo participará da seleção para representar a Aperam South America no Challenge 2012, competição mundial da Aperam. “Vamos trabalhar para melhorar ainda mais nossa performance e trazer o troféu de primeiro lugar para Timóteo”, enfatizou.


União de esforços

A Comissão Organizadora dos Simpósios Internos Semestrais (Cosis) também celebrou o encerramento de seus trabalhos em 2011. A iniciativa reconhece grandes projetos desenvolvidos na Empresa e que são fundamentais para sua evolução. Além disso, valoriza os profissionais que dedicaram seu tempo e energia ao longo do ano ao desenvolvimento de novas tecnologias.

“Compartilhando ideias, alinhando iniciativas e reunindo talento, dedicação e entusiasmo, o Cosis não só premia o trabalho desempenhado pelos empregados, como também motiva a criação de ações voltadas para a melhoria dos processos. Além disso, dá a oportunidade de outras áreas conhecerem os trabalhos que estão sendo desenvolvidos pelos colegas e propicia novos negócios para a Empresa”, destaca Ronaldo Claret, presidente do Cosis 2011.

O destaque de 2011 e vencedor de uma das categorias é um exemplo disso. A substituição de coque por carvão vegetal no Alto-Forno 2 representou uma completa solução ambiental e energética, proporcionando benefícios que vão desde a redução da emissão de 700 mil toneladas/ano de gás carbônico (CO2) na atmosfera, até a manutenção da competitividade da Empresa.

Compartilhar: