Newsletter – Outubro 2018 – Meio Ambiente

Quatro minutos de vida útil e até 400 anos para se decompor na natureza. A equação, evidentemente desequilibrada e prejudicial ao meio ambiente, foi o ponto-chave para que uma verdadeira guerra aos canudos plásticos fosse iniciada em todo o mundo. Diante deste cenário, os modelos em aço inoxidável – com vida útil eterna, higiênicos e fáceis de transportar – aparecem como a melhor opção e ganham a cada dia mais visibilidade.

No Brasil, a Aperam Serviços e Soluções, que já fornece aço inoxidável para a fabricação dos canudos sustentáveis, tem a expectativa de ampliar este mercado nos próximos anos. O aço austenítico 304 tem sido a melhor opção, uma vez que sua composição química, com maior volume de níquel e cromo, mostra-se ideal para a resistência à corrosão, resultante do contato com os alimentos.

Em setembro, quem passou pelos estandes da Aperam na 29ª Feira Nacional de Saneamento e Meio Ambiente (Fenasan), em São Paulo (SP); e na Rio Oil & Gas, no Rio de Janeiro (RJ), recebeu canudos em aço inoxidável como um brinde exclusivo da Empresa! O objetivo foi reforçar a postura sustentável da Aperam e dar visibilidade a esta nova aplicação do aço inoxidável, que deve se multiplicar em um futuro próximo.

O impacto negativo do uso de itens como canudos e sacolas plásticas, especialmente para a fauna marinha, é o tema do documentário “Oceanos de Plástico”, lançado em 2016 pelo diretor Craig Leeson. Ele viajou o mundo em busca de informações sobre a poluição dos oceanos e, em quase duas horas de vídeo, compartilha números impressionantes das consequências geradas pela utilização do plástico.

Compartilhar:
Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on linkedin
Menu

Clique no botão de edição para alterar esse texto. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Ut elit tellus, luctus nec ullamcorper mattis, pulvinar dapibus leo.