Novidades da Aperam

Cozinha é lugar de inox

03/02/2017

O chef Rodrigo Oliveira na cozinha do restaurante Mocotó, onde predomina o aço inox

Na Zona Norte de São Paulo, o bairro Vila Medeiros já é, há algum tempo, parada obrigatória dos turistas que visitam a capital em busca de boa gastronomia. Por lá, o estrelado Mocotó é o restaurante com a comida nordestina mais requisitada e conhecida da cidade. Entre seus feitos está a presença na lista dos 101 melhores restaurantes do mundo da Newsweek Magazine.

O que muita gente não sabe, no entanto, é que pelas mãos do Chef Rodrigo Oliveira, além de temperos e especiarias exclusivas, passa também o aço inoxidável. “Praticamente todas as peças que compõem nossa cozinha são de inox. Temos o uso constante e praticamente ininterrupto dos equipamentos e a escolha do material foi praticamente óbvia, uma vez que nos permite atender à determinação dos órgãos de fiscalização – que nos exigem material liso, resistente, impermeável e de fácil limpeza. Além disso, traz ganhos em durabilidade, já que apresenta maior resistência que outros materiais”, afirma Ricardo Lima, gerente administrativo do Mocotó, que participou da escolha e da compra dos equipamentos em conjunto com o chef.

Situado no bairro Leblon, o carioca Quadrucci é outro restaurante que não abriu mão da presença do inox em sua cozinha industrial. No ambiente onde são preparados pratos da culinária italiana contemporânea, o aço inox está em armários, estantes, geladeira e bancada refrigerada.

“Nossa cozinha deve ter cerca de 70% do material pesado em inox. Essa foi uma definição do proprietário, uma vez que a durabilidade do aço é muito superior a de materiais como plástico e ferro”, comenta o Chef Ronaldo Canha. Segundo ele, o restaurante chegou a contar com freezer feito de material semelhante ao plástico, por exemplo, que precisou ser substituído em razão da rápida deterioração.

Compartilhar: