Um mundo 100% renovável: o aço verde seria um começo?

08/09/2017

Seria o aço verde um grande passo para um mundo 100% renovável?

Não é de hoje que as práticas sustentáveis na indústria marcam cada vez mais presença.  Lançar mão do uso racional dos recursos da Terra de forma renovável, sem degradar o meio ambiente, preservando ao máximo as condições de reprodução e renovação, é não somente o viés principal da sustentabilidade, mas também seu princípio vital.  

Com isso, seria possível atender às necessidades das gerações futuras, que têm direito a um planeta habitável. Exatamente dentro deste contexto no qual a sustentabilidade é tendência na indústria, a produção do aço verde, senão a solução definitiva, pode ser encarada como um começo para um mundo 100% renovável, que tanto é almejado.

Aço verde: promessa para a sustentabilidade

A preservação do meio ambiente e dos recursos naturais é muito mais do que uma preocupação da indústria, mas uma necessidade de extrema relevância tanto para a população, quanto para o mercado.

Seguindo este preceito, a Aperam South America não mediu esforços ao se dedicar à produção de um produto denominado aço verde. Trata-se de um considerável avanço no quesito sustentabilidade, tendo como matéria-prima o carvão vegetal.

Carvão vegetal: a matéria-prima

A grande vantagem do aço verde em relação ao aço comum está intimamente ligada na questão da matéria-prima adotada na produção do carvão.

O que faz do aço verde da Aperam um produto 100% sustentável é o uso do carvão vegetal, oriundo do eucalipto, em vez da utilização, por exemplo, do carvão mineral.

Trata-se de uma iniciativa única que deu à empresa Aperam South America o status de empresa referência mundial neste setor.

Para se ter uma breve ideia das vantagens do uso do carvão vegetal, basta termos em mente que o carvão mineral é apontado como o combustível mais poluente que a humanidade utiliza, sobretudo devido à emissão de gases nocivos ao meio ambiente, intensificando o efeito estufa.

Um mundo 100% renovável o aço verde seria um começo

A fabricação do Aço Verde Aperam ocorre integralmente com carvão vegetal.

Já o carvão vegetal produzido pela Aperam BioEnergia para sustentar a demanda da Aperam South America para fazer o aço verde sustentável, implica em uma série de fatores que garantem a sustentabilidade do processo e minimizam malefícios ao meio ambiente, gerando também muitos postos de empregos diretos e indiretos, bem como mais economia.

Criação de mudas mais resistentes, tecnologias avançadas e exclusivas para eliminar gases nocivos e o reflorestamento são uma pequena amostra dos procedimentos inovadores e sustentáveis levados em conta na produção do aço verde, além da ampla capacidade das florestas renováveis de eucalipto de absorver o CO².

Ao que tudo indica, a produção de aço como fonte de energia plenamente limpa e renovável, realizada pela Aperam, deve se tornar uma tendência no mercado futuro, principalmente pela economia gerada neste processo.

O aço verde pode ser considerado senão a solução de todos os problemas relacionados à preservação dos recursos do planeta, um exemplo louvável a ser seguido.

 

E então, restou alguma dúvida? Fale com a Aperam. Comente abaixo que teremos o maior prazer em conversar com você!

Compartilhar: